Avançar para o conteúdo principal

As 12 Regras de Etiqueta do FACEBOOK

Tempos modernos. Tempos de mudança rápida, constante, volátil! O convívio social nos dias de hoje, passa muito pelas redes sociais, por isso, no post de hoje irei apresentar 12 regras necessárias para utilizar o Facebook com graça e confiança: 

Fonte: https://sites.stedwards.edu/socialmedia-ahollon/


Regra nº 1 - Não coloque fotos  suas comprometedoras: Se por acaso uma foto sua comprometedora aparecer, peça a quem a postou para a remover.

Regra nº 2 - Não adicione ninguém que não conheça realmente: Numa era em que a privacidade é realmente uma preocupação, recomenda-se que tenha na sua lista de amigos, pessoas que realmente conhece.

Regra n. 3 –Não cair em tentação: Sabia que 2 em 5 empregadores utilizam as redes sociais para fazer um primeiro rastreio a potenciais candidatos e que cerca de 40% desses empregadores encontram razões para NÃO empregar determinados candidatos? Por isso, na hora de colocar algo no facebook , contenha-se e coloque o que possa efectivamente ser visto; resista à tentação de colocar no facebook  fotos do seu último fim de semana de bebedeira, por exemplo.

Regra n.º 4 – Há assuntos que devem ser tratados pessoalmente e não via facebook: Por exemplo, emprestou livros a alguém das suas relações e nunca mais devolveram? Trate dessa questão pessoalmente e não por facebook.

Regra n.º 5 – Selfies, sim, mas não em excesso:  Muitas selfies de “rajada” no facebook, só revela o tamanho da sua vaidade!

Regra n.º 6 – Discrição quando postar algo no mural de alguém: Muitos murais são públicos, por isso contenha-se para não publicar algo muito pessoal.

Regra n.º 7 – Seja consistente: Se mantiver-se leal  à sua verdadeira personalidade, é provável que as outras pessoas de interajam com as suas actualizações.

Regra n.º 8 – Não acabe um relacionamento com uma pessoa por facebook seja em que circunstância for:  Maturidade, aqui é a palavra de ordem ! Há que olhar o outro olhos nos olhos .

Regra n.º 9: Responda aos comentários e mensagens a tempo:  Não ignore as pessoas, isso é deselegante. Responda às mensagens no espaço de 24 horas.

Regra n.º 10 – Não publique muitas fotos do seu romance: Serão seguramente um casal adorável, mas não publique uma “enchente” de fotos vossas.

Regra n.º 11 – Refreie o seu ímpeto de enviar convites para jogos: Não “sufoque” os seus amigos com convites para jogos.


Regra n.º 12 (REGRA DE OURO) – Use a mesma cortesia, respeito e decoro que utiliza, no dia-a-dia, no mundo real: Quando tiver dúvidas, lembre-se que a etiqueta do mundo real deverá ser aplicada nas redes sociais.

Comentários

  1. Descobri hoje este blogue e não posso deixar de endereçar os meus parabéns: de fácil consulta, objectivo e de muita utilidade. Mesmo para quem está familiarizado com esta temática, encontra aqui algumas novidades.
    Bravo Zulu

    Com um ramo de :-) (sorrisos)

    ResponderEliminar
  2. Caro McGregor,

    Obrigada pelo seu amável comentário. Fico feliz de saber que este blog - para o qual eu gostaria de ter mais tempo para me dedicar - cumpre o objectivo principal. Ser de consulta fácil e objectivo.

    Grata

    Lúcia Ferreira

    ResponderEliminar
  3. Obrigado com as vossas regras consegui fazer um trabalho de TIC quero que continuem assim seus FDP´s .

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens Populares

Etiqueta Social: Algumas regras básicas

A minha avó materna diz, do alto dos seus 94 anos, “ a educação nunca passa de moda”, e é  - numa singela homenagem a ela – que apresento algumas regras básicas de etiqueta social.
1-Apresentações: Sempre o menos importante se apresenta ou é apresentado para o mais importante, ie, o senhor para a senhora, o mais novo ao mais velho.
Como se determina a importância? Para determinar a importância, deve-se ter em consideração os seguintes factores: a)Idade b)Sexo c)Posição social d)Posição política e)Hierarquia As mulheres não se levantam. São cumprimentadas sentadas. No entanto, é gentil levantar-se para alguém mais velho ou para uma grávida, por isso, se for mulher, é simpático levantar-se para cumprimentar ou uma grávida ou uma senhora mais velha. Os homens levantam-se sempre, mesmo para cumprimentar outro homem. As apresentações devem ser sempre efectuadas com o nome e o sobrenome; não entenda isto como snobismo, mas sim como um ponto de referência importante. Claro que se for uma pessoa …

Como Atender o Telefone da Sua Empresa

Quantas vezes procurou uma empresa na internet, navega no seu site - extremamente apelativo, por sinal - fica completamente maravilhado com tudo o que a empresa tem para oferecer ao cliente, efectua o contacto telefónico e...decepção! Atendimento telefónico péssimo e sem receber o feedback pelo qual tanto aguardava. O telefone ainda é um instrumento de vendas e de networking muito importante, por isso, é necessário ter em consideração alguns factores quando atender ou efectuar uma chamada telefónica. Não esquecer também da qualidade do atendimento que deve dar igualmente às ligações internas, que comprometem também a comunicação e agilidade no andamento dos negócios da sua empresa. 
Seguem algumas orientações para um atendimento telefónico de excelência:  - Ao atender o telefone diga o nome da empresa,  saudação para as chamadas externas que esteja estipulada pela empresa, seguido do seu nome (ex: protocolo e etiqueta, boa-tarde, fala a Constança, em que lhe posso ser útil?).  - Acas…

Bandeiras: Parte I

De repente lembrei-me daquele episódio da Bandeira Nacional (Portugal) hasteada ao contrário (que também tem um significado, já lá vamos) e lembrei de publicar o texto que se segue sobre como colocar / hastear bandeiras.
Vamos, então, explicar qual o significado de uma bandeira hasteada ao contrário: significa que o lugar que essa bandeira representa está sendo invadido pelo inimigo e é um pedido de socorro aos seus aliados!
A bandeira é o símbolo representativo de um Estado soberano, ou país; de um município, de uma sociedade, de um clã, de um reino, de uma coroa; existem normas para hastear as bandeiras e há toda uma simbologia inerente às mesmas. Sem grandes delongas, irei tentar dar umas "dicas" práticas sobre como hastear as bandeiras.
No caso de Portugal, a lei que rege essas regras do desfraldar da bandeira é o Decreto-lei n.º 150/87 de 30 /3/1987.
Em Portugal e em território português essa lei estipula que a bandeira portuguesa "quando desfraldada com outras bandeir…