Avançar para o conteúdo principal

Vinho: Qual Devo Servir?



Esta semana falava-se na questão de que vinho servir com o quê. Rapidamente percebi que havia muitas dúvidas, o que de imediato me levou a pensar neste post.

Gostaria, antes do mais, de lembrar que as regras que irei enunciar, não são regras rígidas. Obviamente o gosto pessoal de cada um deverá ser tido em linha de conta nas escolhas que se fizerem. No  entanto, 3 princípios deverão nortear a sua escolha:

1. O vinho deverá ser escolhido de acordo com o tipo de prato: vinhos encorpados são servidos com pratos de sabores fortes; pratos ligeiros, pedem vinhos suaves.

2. Vinhos mais suaves são servidos antes dos vinhos mais fortes.

3. Os vinhos branco e rosé são servidos antes do vinho tinto.

Segue uma pequeno resumo-sugestão que ajudará a orientar na hora de escolher que vinho servir:

a) Marisco cozido: sirva vinho branco jovem ou verde
b) Marisco cozinhado de forma elaborada: Sirva vinho encorpado
c) Ostras: Sirva vinho branco seco ou espumante branco seco
d) Massas com Marisco: sirva vinho branco seco
e) Peixe delicado: sirva vinho branco jovem
f) Peixe Gordo: sirva vinho branco encorpado
g) Peixe, tipo bacalhau ou atum: sirva vinho tinto jovem
h) Peixe, tipo sardinha: tinto jovem ou verde
i) Aves com tempero suave: sirva tinto jovem, ou branco seco
j) Aves, com tempero forte: sirva vinho tinto maduro e encorpado
k) Caça: sirva tinto encorpado
l) Carnes, com tempero suave: sirva vinho tinto jovem
m)Carnes, com tempero forte: sirva vinho tinto encorpado
n) Queijos, frescos e leves: sirva vinho branco suave
o) Queijos fortes: sirva vinho tinto
p) Doces: sirva vinhos generosos

Cada um destes vinhos deverá ser servido a uma temperatura própria, para que possa ser devidamente apreciado. Assim, temos:

1. Vinho branco jovem, 8ºC
2. Vinho branco encorpado, de 10º a 12ºC
3. Vinho tinto jovem, de 14º a 15ºC
4. vinho tinto encorpado, de 17º a 18ºC
5. Champanhe ou espumante, 8ºC
6. Vinhos generosos, 17ºC

Espero que este post ajude a apreciar melhor a vossa refeição.

Bon Appétit!



Comentários

  1. Muito bom!!! Fiquei com uma vontade de tomar um vinhozinho... Mas, brincadeiras à parte, o post é super elucidativo. Nota 10!!!

    ResponderEliminar
  2. Olá, Lúcia!
    Olha que eu acreditava conhecer alguma coisa sobre o tema mas, ao ler o seu post descobri que nada sabia. Sabia, no passado, porque agora já tenho onde consultar o que não conseguir memorizar. Quando o livro for editado, a consulta será mais favorável.
    Beijos e muito $uce$$o.
    Adriana.

    ResponderEliminar
  3. Adriana,

    Obrigada pelo seu comentário e incentivo para continuar!

    Faço votos para que todos os seus projectos que realizou para 2013, se concretizem! Feliz Ano!

    Lúcia

    ResponderEliminar
  4. Lúcia,

    Excelente post sobre algo que adoro. A cultura vinhateira tão Portuguesa, tem, ao longo dos tempos, sido perdida. No entanto sinto que no dias de hoje, estamos a recuperar esse tema. Parabéns pelo Post e Força...

    ResponderEliminar
  5. Ruben,

    Obrigada pelo teu comentário e pela força. Está atento que brevemente irei postar um artigo de como servir um vinho.

    Até lá!

    Lúcia

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens Populares

Etiqueta Social: Algumas regras básicas

A minha avó materna diz, do alto dos seus 94 anos, “ a educação nunca passa de moda”, e é  - numa singela homenagem a ela – que apresento algumas regras básicas de etiqueta social.
1-Apresentações: Sempre o menos importante se apresenta ou é apresentado para o mais importante, ie, o senhor para a senhora, o mais novo ao mais velho.
Como se determina a importância? Para determinar a importância, deve-se ter em consideração os seguintes factores: a)Idade b)Sexo c)Posição social d)Posição política e)Hierarquia As mulheres não se levantam. São cumprimentadas sentadas. No entanto, é gentil levantar-se para alguém mais velho ou para uma grávida, por isso, se for mulher, é simpático levantar-se para cumprimentar ou uma grávida ou uma senhora mais velha. Os homens levantam-se sempre, mesmo para cumprimentar outro homem. As apresentações devem ser sempre efectuadas com o nome e o sobrenome; não entenda isto como snobismo, mas sim como um ponto de referência importante. Claro que se for uma pessoa …

Como Atender o Telefone da Sua Empresa

Quantas vezes procurou uma empresa na internet, navega no seu site - extremamente apelativo, por sinal - fica completamente maravilhado com tudo o que a empresa tem para oferecer ao cliente, efectua o contacto telefónico e...decepção! Atendimento telefónico péssimo e sem receber o feedback pelo qual tanto aguardava. O telefone ainda é um instrumento de vendas e de networking muito importante, por isso, é necessário ter em consideração alguns factores quando atender ou efectuar uma chamada telefónica. Não esquecer também da qualidade do atendimento que deve dar igualmente às ligações internas, que comprometem também a comunicação e agilidade no andamento dos negócios da sua empresa. 
Seguem algumas orientações para um atendimento telefónico de excelência:  - Ao atender o telefone diga o nome da empresa,  saudação para as chamadas externas que esteja estipulada pela empresa, seguido do seu nome (ex: protocolo e etiqueta, boa-tarde, fala a Constança, em que lhe posso ser útil?).  - Acas…

Bandeiras: Parte I

De repente lembrei-me daquele episódio da Bandeira Nacional (Portugal) hasteada ao contrário (que também tem um significado, já lá vamos) e lembrei de publicar o texto que se segue sobre como colocar / hastear bandeiras.
Vamos, então, explicar qual o significado de uma bandeira hasteada ao contrário: significa que o lugar que essa bandeira representa está sendo invadido pelo inimigo e é um pedido de socorro aos seus aliados!
A bandeira é o símbolo representativo de um Estado soberano, ou país; de um município, de uma sociedade, de um clã, de um reino, de uma coroa; existem normas para hastear as bandeiras e há toda uma simbologia inerente às mesmas. Sem grandes delongas, irei tentar dar umas "dicas" práticas sobre como hastear as bandeiras.
No caso de Portugal, a lei que rege essas regras do desfraldar da bandeira é o Decreto-lei n.º 150/87 de 30 /3/1987.
Em Portugal e em território português essa lei estipula que a bandeira portuguesa "quando desfraldada com outras bandeir…