Avançar para o conteúdo principal

Finger Food


Conhecem o conceito de finger food? Eventualmente sim, mas não com esta designação... Finger food é exactamente o que sugere a designação em inglês: "comida para comer com as mãos"!



Diz-se que a expressão ficou conhecida quando a actriz Joan Collins começou a exigir aperitivos pequenos para comer com a ponta dos dedos , para não borrar o baton... Certo é que este conceito veio simplificar a maneira de servir (o que não significa não receber em grande estilo!), tendo-se verificado ser uma óptima solução para todos os tipos de comemorações e não fere de todo em todo os princípios da etiqueta. É uma tendência para as mais diversas comemorações, onde se pode apreciar deliciosos petiscos sem prato, garfo, faca. No lugar, utilizam-se colherzinhas, palitinhos copinhos e outros "inhos" ... o estilo finger food é prático, informal e permite que as pessoas comam de pé.
Seguem algumas regras para comer finger food com elegância:

A. Qual a comida que devo escolher?
Quando for comer finger food especialmente num evento social, o objectivo é comer as comidas que apresentem menos "confusão"; quero eu dizer, procure por finger food que possa ser ingerida de uma só vez quando possível e que não crie uma grande confusão como deixar molho nos seus dedos ou na sua boca. Procure por pequenas sandes ou comidas "secas", por exemplo. Afaste-se de comida com molho ou sobremesas com açúcar em pó (icing sugar). Apesar de deliciosos, este tipo de finger food aumenta a possibilidade de entornar e manchar a roupa, com a qual terá de conviver até ao fim da festa...
B. Quanto comer?
Tipicamente coloca a sua food finger num pequeno prato ou num guardanapo. Na maior parte do tempo comerá de pé, portanto não irá querer ter consigo uma quantidade de comida que não consiga manobrar adequadamente. A regra é retirar uma a três peças de finger food que lhe agrade. Obviamente que poderá ser voltar à mesa da finger food e tirar o que lhe aprouver, sendo que o "segredo" é que conseguir manter uma conversa e mover-se pela sala ou espaço do evento, sem ter o seu pratinho ou guardanapo a "pesar-lhe".
C. Quando comer?
A finger food é tipicamente do tamanho suficientemente pequeno de forma a que possa ser ingerida de uma ou duas vezes no máximo. O objectivo da finger food é promover a conversação e é para ser consumida durante a conversação. Enquanto fala com alguém, termine o seu ponto de vista, ingira um pouco da sua finger food e entretanto deixe o seu interlocutor retorquir. Depois de o seu interlocutor terminar o ponto de vista dele, será a sua vez de responder, enquanto o seu interlocutor ingere a finger food dele.
O objectivo da finger food é de manter uma conversa a fluir, e utilizando o método acima descrito, poderá divertir-se no evento, apreciar boa comida e uma boa conversa.



Comentários

Mensagens Populares

Etiqueta Social: Algumas regras básicas

A minha avó materna diz, do alto dos seus 94 anos, “ a educação nunca passa de moda”, e é  - numa singela homenagem a ela – que apresento algumas regras básicas de etiqueta social.
1-Apresentações: Sempre o menos importante se apresenta ou é apresentado para o mais importante, ie, o senhor para a senhora, o mais novo ao mais velho.
Como se determina a importância? Para determinar a importância, deve-se ter em consideração os seguintes factores: a)Idade b)Sexo c)Posição social d)Posição política e)Hierarquia As mulheres não se levantam. São cumprimentadas sentadas. No entanto, é gentil levantar-se para alguém mais velho ou para uma grávida, por isso, se for mulher, é simpático levantar-se para cumprimentar ou uma grávida ou uma senhora mais velha. Os homens levantam-se sempre, mesmo para cumprimentar outro homem. As apresentações devem ser sempre efectuadas com o nome e o sobrenome; não entenda isto como snobismo, mas sim como um ponto de referência importante. Claro que se for uma pessoa …

Bandeiras: Parte I

De repente lembrei-me daquele episódio da Bandeira Nacional (Portugal) hasteada ao contrário (que também tem um significado, já lá vamos) e lembrei de publicar o texto que se segue sobre como colocar / hastear bandeiras.
Vamos, então, explicar qual o significado de uma bandeira hasteada ao contrário: significa que o lugar que essa bandeira representa está sendo invadido pelo inimigo e é um pedido de socorro aos seus aliados!
A bandeira é o símbolo representativo de um Estado soberano, ou país; de um município, de uma sociedade, de um clã, de um reino, de uma coroa; existem normas para hastear as bandeiras e há toda uma simbologia inerente às mesmas. Sem grandes delongas, irei tentar dar umas "dicas" práticas sobre como hastear as bandeiras.
No caso de Portugal, a lei que rege essas regras do desfraldar da bandeira é o Decreto-lei n.º 150/87 de 30 /3/1987.
Em Portugal e em território português essa lei estipula que a bandeira portuguesa "quando desfraldada com outras bandeir…

Como Atender o Telefone da Sua Empresa

Quantas vezes procurou uma empresa na internet, navega no seu site - extremamente apelativo, por sinal - fica completamente maravilhado com tudo o que a empresa tem para oferecer ao cliente, efectua o contacto telefónico e...decepção! Atendimento telefónico péssimo e sem receber o feedback pelo qual tanto aguardava. O telefone ainda é um instrumento de vendas e de networking muito importante, por isso, é necessário ter em consideração alguns factores quando atender ou efectuar uma chamada telefónica. Não esquecer também da qualidade do atendimento que deve dar igualmente às ligações internas, que comprometem também a comunicação e agilidade no andamento dos negócios da sua empresa. 
Seguem algumas orientações para um atendimento telefónico de excelência:  - Ao atender o telefone diga o nome da empresa,  saudação para as chamadas externas que esteja estipulada pela empresa, seguido do seu nome (ex: protocolo e etiqueta, boa-tarde, fala a Constança, em que lhe posso ser útil?).  - Acas…